Eu li: Sangue Quente - Isaac Marion

Na minha saga sobre literatura zumbi, um conhecido me diz "Já que você gosta tanto do tema, por que não lê 'Sangue Quente' de Isaac Marion da editora LeYa Brasil? Acho que vai curti".

E lá vou eu para mais uma aventura zumbi.

Mas esse história é completamente diferente de tudo o que eu já li. Uma levada mais cômica, suave, romântica e sem muito derramamento de sangue. Completamente diferente da trilogia Apocalipse Z e de The Walking Dead.

Neste livro, o "Apocalipse Zumbi" não se deu por causa de um vírus, praga, ou coisa parecida, mas sim como uma maldição por causa do endurecimento do coração do homem, que chegou em um nível tão profundo e escuro, liberando o mostro que existia dentro de cada um.

Tenso pensar assim.

O livro, toda em primeira pessoa, se passa pela visão de "R" um zumbi que vagueia em aeroporto abandonado após o apocalipse, e que ocasionalmente vai até a cidade em busca de alimento, ou melhor dizendo, carne humana.

A parte do corpo humano que os zumbis mais gostam, que age neles como se fosse droga, é o cérebro, quando ingerido são ativadas as memórias da vítima em suas "mentes", e eles podem desfrutar por alguns minutos da vida roubada.

Um dia, depois de devorar um jovem e comer um pedaço do seu cérebro, uma explosão de sentimentos acontece na não-vida de "R" e ele se apaixona pela namorada de sua vítima, Julie, a jovem cheia de vida da Cidade Estádio. Com o propósito de "Manter Julie Segura", os dois "R" e "Julie" iniciam um relacionamento confuso e conturbado, mas que vai mudar o mundo. Afinal, o amor é capaz de grandes coisas.

Aguém aqui já torceu por um zumbi? Para que ele fosse feliz em sua "vida" ou seja lá o que for viver para ele? Então, esse foi o meu sentimento.

Para informação: o filme "Meu namorado é um zumbi" foi baseado neste romance.

Na minha opinião, este é um livro ótimo, e fica de lição que, força de vontade e amor pode nos transformar e transformar os que estão a nossa volta.

Recomendo.

8 comentários:

  1. Maria Cândida13/01/2015 15:40

    Acho essa banda uma fofura, gosto muito de várias canções, mas tem umas que eu não suporto, haha. Sei que muita gente não gosta porque só ouviu Oração, e eu acho isso meio triste porque não conhecem o verdadeiro potencial da banda.

    Beijinhos. ;*
    www.nighght.com

    ResponderExcluir
  2. Ai adorei ver o desafio aqui <3 não conheço a banda, vou aproveitar para ouvir! :D


    Beijo
    Vic
    borboletando.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho esse livro há meses aqui em casa e nunca consegui terminar. Na verdade, não fui muito além do que duas páginas. Depois da sua resenha, acho que vou continuar lendo... Adorei teu blog! <3


    4sphyxi4.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá Jacqueline. O livro é realmente muito bom, você não vai se arrepender. Obrigado pela visita!

    ResponderExcluir
  5. Valeu Vic! Vamos ver se eu consigo fazer o desafio completo! Obrigado pela visita.

    ResponderExcluir
  6. Olá Maria!

    Também tem algumas que não sou tão fã. Mas de tudo tiramos coisas boas. Obrigado pela visita!

    ResponderExcluir
  7. Eu só conheci Oração e depois esqueci que essa banda existia. Mas eu sempre me perguntei: a banda é aquele povo todo que aparece no clipe?!

    ResponderExcluir
  8. Rs... eu acho que não! Foi só o povo para o clipe mesmo. A banda é formada pelos cinco da foto! Pra falar a verdade, acho que deveria ter escrito sobre isso no post.


    Vou fazer uma atualização.


    Beijos

    ResponderExcluir

Não se intimide... comente!
Tenha sua identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade.